Não há no mundo palavras tão convincentes como as lágrimas.

Lope de Vega

Deixe um comentário

Comment