MENU
E

Eu considero o povo brasileiro vencedor mesmo diante de todas as dificuldades que vive! Somos originais, flexíveis, bem humorados, amorosos e muito, mas muito criativos. Por que cargas dágua então precisamos copiar  fotógrafos de outro país? Digo isso pois nos últimos tempos tenho acompanhado a fotografia de casamento de toda a nação, cada vez mais de perto, através dos meus workshops. Ela tem evoluído, e muito. Vem crescendo e ganhando espaço dentro e fora do país mesmo que uma boa parte dos nossos fotógrafos ainda teime em copiar os gringos, e copiá-los naquilo que nós justamente podemos fazer melhor. Psiu…..pisu….preste atenção!

Nós brasileiros temos mais facilidade de enxergar e capturar emoção. Por que? Simplesmente pelo fato de sermos mais emotivos. Temos facilidade em dirigir pois somos falantes e expansivos. Somos criativos e fazemos muito com poucos recursos. Já pararam para pensar que o nosso equipamento custa o dobro e que a grosso modo nosso dinheiro vale a metade? Somos negros, brancos, amarelos, vermelhos, azuis e roxos. Isso nos gera um pluralidade cultural já que vivemos aqui um pouquinho de cada canto do mundo. Esta diversidade nos nutre e nos torna mais resistentes e com maior poder de adaptação.

O brasileiro é um vira lata  no sentido astuto da palavra. Somos adaptáveis e interessantes. Raciocinamos rápido e geramos soluções diante de obstáculos aparentemente impossíveis. Há alguns que dizem que por sermos brasileiros não desistimos nunca. A isso damos o nome de persistência. Viu como temos qualidades e diferenciais? Basta transformá-las em realizações. Temos potencial!

Nos resta então copiar dos gringos o seu profissionalismo, atendimento, marketing, a forma como eles conduzem seus negócios, o modo em que eles valorizam a profissão e o corporativismo. Eles são ótimos nisso.

Não adianta  colocar palavras na minha boca. Eu não disse que eles são maus fotógrafos fotógrafos. O meu ídolo na fotografia é gringo, um Sr. francês que já morreu. Tenho alguns ídolos nacionais também e espero em breve ter outros mais.

Há excelentes fotógrafos de casamento nos EUA, Austrália, Inglaterra, Rússia, França mas há muita qualidade por aqui. Qualidade que precisa desabrochar ainda mais. Vamos buscar referências naqueles que já trilharam caminhos ainda por nós não percorridos sem perder o nosso pedigree vira lata. Continuemos  verde e  amarelo, cativando os clientes com o nosso jeito especial de lidar com as pessoas que  é o que mais encanta todo o mundo.

Viva o Brasil e viva a fotografia Brasileira! Viajarei ainda mais para fora para buscar conhecimento, trarei cada vez mais gringos para que possamos  absorver o que eles tem de melhor. Continuarei meu trabalho cada vez mais autoral e incentivarei os fotógrafos da minha terra a fazerem o mesmo. Isso não é promessa política até porque não concorro a nenhum cargo nas próximas eleições. É um ideal, uma vontade de ver nossa fotografia cada vez mais grandiosa. Essa é a única forma de colocarmos o nosso nome de uma vez por todas nas principais páginas da fotografia mundial. A hora é agora! Deixemos de ser cópias para sermos COPIADOS.

Um beijo no coração de todos!

English

I think of Brazilian as winners, even with all the difficulties that challenge us! We are original, flexible, have good humor, loving and very, very creative. Why on earth we need to copy photographers from another country? I can say this because I recently accompanied the wedding photography across the nation more closely through my workshops. The wedding photography has improved a lot. Has been growing and gaining ground in and outside the country although a good portion of our photographers still insists on copying the gringos, and copying  in what we can do better. Hey… Pay attention!

We Brazilians can easily view and capture emotion. Why? Simply by being more emotional. We are good because we are easily talkative and expansive. We are creative and do a lot with little. Have you stopped to think that our equipment costs twice and that roughly half our money is worth? We are black, white, yellow, red, blue and violet. This diversity makes us stronger and more able to adapt.

The Brazilian is a mutt in the astute sense of the word. We are adaptable and interesting. Reasonably quickly generate solutions to seemingly impossible obstacles. Some say that  Brazilians don’t give up ever. We call this persistence. See how we have qualities and differentials? Just turn them into accomplishments. We have potential! We should copy the gringos in their professionalism, care, marketing, the way they conduct business, how they value the profession and corporatism. They are great at that.

It’s useless to put words in my mouth. I did’ nt say they’re bad photographers. My idol in photography is gringo, a French Mr. who died. I have some national heroes as well and I hope soon to have more.

There are great wedding photographers in the U.S., Australia, Britain, Russia, France, but there are a lot of quality here. Quality requires further flourish. We will seek references in those who already beaten routes that we didn’t, without losing our quality of mixture.

Let’s stay green and yellow, captivating guests with our way of dealing with people that is what most surprises everyone.

Viva Brasil and Brazilian photography! I will travel further out in search of knowledge, I will bring more and more gringos so we can absorb the Best of them. I will continue my work as composer and increasingly support photographers of my land to do the same. This is not even political promise because I’m not  running for office in upcoming elections. It is an ideal, the desire to see our greatest picture ever. That’s the only way to put our name once and for all in the main pages of world photography. Now is the time! Let’s  stop being copies to be copied.

Español

Yo considero al pueblo brasileño vencedor, aún delante de todas las dificultades que vive! Somos originales, flexibles, tenemos buen humor, amorosos y muy, pero muy creativos. ¿Por qué diablos necesitamos entonces copiar a fotógrafos de otro país? Digo esto porque en los últimos tiempos he acompañado la fotografía de bodas de toda la nación cada vez más de cerca a través de mis workshops. Ha evolucionado y mucho. Ha ido creciendo y ganando espacio dentro y fuera del país a pesar que una buena parte de nuestros fotógrafos aún se empecine en copiar a los gringos, y copiarlos justamente en aquello que nosotros podemos hacerlo mejor. Pss….pss….presten atención!

Nosotros brasileños tenemos más facilidad en ver y capturar emoción. ¿Por qué? Simplemente por el hecho de ser más emotivos. Tenemos facilidad en dirigir pues somos conversadores y expansivos. Somos creativos y hacemos mucho con poco. ¿Ya se detuvieron a pensar que nuestro equipamiento cuesta el doble y que a groso modo nuestro dinero vale la mitad? Somos negros, blancos, amarillos, rojos, azules y violetas. Esta diversidad nos nutre y nos hace más resistentes y con mayor poder de adaptación.

El brasileño es una mezcolanza en el sentido astuto de la palabra. Somos adaptables e interesantes. Razonamos rápido y generamos soluciones ante obstáculos aparentemente imposibles. Hay quienes dicen que por el hecho de ser brasileños no desistimos nunca. Llamamos esto persistencia. ¿Ven cómo tenemos cualidades y diferenciales? Basta transformarlos en realizaciones. ¡Tenemos potencial! Nos queda entonces copiar de los gringos su profesionalismo, atención, marketing, la forma en que ellos conducen sus negocios, el modo en que ellos valoran la profesión y el corporativismo. Ellos son buenísimos en eso.

De nada sirve poner palabras en mi boca. Yo no dije que sean malos fotógrafos. Mi ídolo en la fotografía es gringo, un Sr. Francés que ya murió. Tengo algunos ídolos nacionales también y espero en breve tener otros más.

Hay excelentes fotógrafos de boda en los EEUU, Australia, Inglaterra, Rusia, Francia, pero hay mucha calidad por aquí. Calidad que precisa florecer más aún. Vamos a buscar referencias en aquellos que ya trillaron caminos que nosotros no recorridos aún, sin perder nuestra calidad de mezcolanza.

Sigamos verde y amarillo, cautivando a los clientes con nuestra manera de lidiar con la gente que es lo que más encanta a todo el mundo.

¡Viva Brasil y viva la fotografía brasileña! Viajaré más aún hacia fuera en búsqueda de conocimiento, traeré cada vez más gringos para que podamos absorber de ellos lo mejor que tienen. Seguiré con mi trabajo cada vez más autoral e incentivaré a los fotógrafos de mi tierra a que hagan lo mismo. Esto no es promesa política inclusive porque no me postulo a ningún cargo en las próximas elecciones. Es un ideal, las ganas de ver nuestra fotografía cada vez más grandiosa. Esa es la única manera de poner nuestro nombre de una vez por todas en las principales páginas de la fotografía mundial. ¡Ahora es el momento! Dejemos de ser copias para ser COPIADOS.

Comentários

Como sempre, um homem de opinião, um fotógrafo com mais do que apenas uma lente. Parabéns, e fica o incentivo a continuar seu trabalho como um profissional completo.

you are a true visionary my friend. um abraço!

heheheh
muito bom!
Que cutucada na galera hein 🙂
Mais uma vez gostei do que vc escreveu.
Parabéns !
Abçs
AYRTON

Nada se cria, tudo se aperfeiçoa… rs…
Parabéns pelo artigo.

É isso! Até porque copiar o outro impede algo muito mais importante: se encontrar.

“Eu gosto de pessoas inteligentes que enxergam o mundo com humor. Não precisa ser famoso. Tem muitas pessoas em quem eu bato o olho e penso: deve ser legal ser amiga dele. É gente que não carrega o mundo nas costas, que fala olhando nos olhos, que não se leva tão a sério, que é franca na hora do sim e na hora do não. É difícil sacar as qualidades de uma pessoa sem antes conhecê-la, mas intuição existe pra isso. Tenho vários amigos que enriquecem minha vida e se encaixam no meu conceito de “pessoas especiais””. Martha Medeiros

Em pouco tempo de convívio (2 dias de ws no Ateliê, rs) posso perceber que vc é uma dessas “pessoas especiais” em minha vida!
Muito em comum… muito para compartilhar!
É claro que vc não sabe que é meu amigo, mas por eu acompanhar seu trabalho há tanto tempo, a gente acaba se sentindo próximo de vc, das suas fotos, dos seus textos, enfim, da sua vida. Vc faz muita diferença e estou aqui para agradecer por tudo que aprendi com vc.

Beijocas cariocas!

Flavia Soares

Uau Flávia. QUem me dera ser tudo isso mas de qualquer forma agradeço suas palavras que servem ainda mais de incentivo.

Bjões

Vinícius

Muito boa!
Deixamos nossa criatividade rolar, sem copiar os gringos e de inspiração, vamos olhar para dentro do nosso país, cheio de talentos e feras!!

Parabéns pelo texto, concordo em número, genero e grau!

Viva os fotógrafos brasileiros!Nada se cria ,tudo se copia.Quero aprender mais com vc Vinicius…quando fara um novo work em Londrina Pr?te aguardo!Queremos “copiar” mais você!

Inspiração é uma coisa, cópia é outra.
Há pouco tempo que mudei minha visão sobre a fotografia de casamento, e minhas primeiras referências foram nacionais. Temos e teremos cada vez mais excelentes profissionais.

Ótimas palavras, Vinicius.

=)

Vinicius, Parabéns.

Você é muito bom no que faz: Fotografa divinamente bem e és altamente criativo e ainda… nos presenteia com esses excelentes textos. Show!!!

Muito bom Vinicius, isso ai! Vamos deixar nossa criatividade aflorar sempre!!

Cópia…odeio isso…e tenho dito…até demais, em alto e bom tom, próximo de quem admira copiar…argh…

Acredito que nós brasileiros já somos copiados há tempos…eles lá fora é que não admitem!
Muito bom seus textos…e cada vez mais interessantes 🙂

Eu continuarei copiando mas acho que as cópias no Brasil podem ser mais bem feitinhas né?

Muito bom, Vinícius! É muito bom ver um formador de opinião como você levantando a moral da nossa indústria fotográfica nacional. Valeu, professor!

Tinha que ser vc pra escrever isso. Parabénss sempre!!!

Vinicius, parabéns pelo post, como sempre na mosca.

Riguetti

Falou e disse !! Creio que esse seu poost não sirva apenas para a fotografia mas sim para tudo que nós brasileiros nos dedicamo,já conhecia seu trabalho a algum tempo mas des de que comecei a te seguir no twitter virei um grande fã seu!!!
Continue com sua ideologia que tenho certeza que está ajudando a muitos a realizar a de cada um.
Valew!

Não há como não concordar, não tem como dizer que você mentiu! Este é um dos melhores artigos que já li em seu blog.
Certamente por não prestar atenção nesta pluralidade, e nem na nossa criatividade, muitos se submetem à copia.
Gosto do seu trabalho, e passo a gostar mais ainda de você como pessoa. você é admirável!
parabéns!

Simplestemente show este seu artigo Vinícius. Comentava exatamente isso com o fotógrafo Hosanan Vieira aqui de Fortaleza, o que vc já fez e continua fazendo pela fotografia de casamento no Brasil.

Vc sabe que torço muito pelo seu sucesso, sou fã da sua determinação e de sempre esta na busca de mais e mais informações e repassando para essa galera aqui do Brasil.

Para mim você mudou o referêncial da fotografia de casamento do Brasil. Um grande abraço e esperamos pelo seu WS aqui em Fortaleza.

Adorei! Onde eu assino?
🙂

Deixe o seu comentário

FECHAR MENU