MENU

Blog

Wedding at the Farm 23 Junho, 2011 / Sem categoria June is time when a nice wedding in the country is really worth it, all the good and tipical dances, soups, candies, beverages and happy people! In times of St. John's worth a lot in a good marriage... VER MAIS Boda en el campo 23 Junho, 2011 / Sem categoria En tiempos de San Juan es muy válido una boda en el campo, jineteada, caldito, vinito caliente y gente alegre!   VER MAIS A lenda do Urubu, do pavão e do Peru 20 Junho, 2011 / Geral Tem um conto japonês milenar que é mais ou menos assim: Em uma planície, viviam um Urubu e um Pavão. Certo dia, o Pavão refletiu: - Sou a ave mais bonita do mundo animal, tenho uma plumagem colorida e exuberante, porém nem voar eu posso, de modo a mostrar minha beleza. Feliz é o Urubu que é livre para voar para onde o vento o levar. O Urubu, por sua vez, também refletia no alto de uma árvore: - Que infeliz ave sou eu, a mais feia de todo o reino animal e ainda tenho que voar e ser visto por todos, quem me dera ser belo e vistoso tal qual aquele Pavão. Foi quando ambas as aves tiveram uma brilhante idéia em comum e se juntaram para discorrer sobre ela: um cruzamento entre eles seria ótimo para ambos, gerando um descendente que voasse como o Urubu e tivesse a graciosidade de um Pavão. Então cruzaram... e daí nasceu o Peru: QUE É FEIO PRA CACETE E NÃO VOA! Moral da história: Se a coisa tá ruim, não inventa!!! Gambiarra só dá merda!!!  VER MAIS The legend of the Vulture, the Peacock and the Turkey 20 Junho, 2011 / Sem categoria Tem um conto japonês milenar que é mais ou menos assim: Em uma planície, viviam um Urubu e um Pavão. Certo dia, o Pavão refletiu: - Sou a ave mais bonita do mundo animal, tenho uma plumagem colorida e exuberante, porém nem voar eu posso, de modo a mostrar minha beleza. Feliz é o Urubu que é livre para voar para onde o vento o levar. O Urubu, por sua vez, também refletia no alto de uma árvore: - Que infeliz ave sou eu, a mais feia de todo o reino animal e ainda tenho que voar e ser visto por todos, quem me dera ser belo e vistoso tal qual aquele Pavão. Foi quando ambas as aves tiveram uma brilhante idéia em comum e se juntaram para discorrer sobre ela: um cruzamento entre eles seria ótimo para ambos, gerando um descendente que voasse como o Urubu e tivesse a graciosidade de um Pavão. Então cruzaram... e daí nasceu o Peru: QUE É FEIO PRA CACETE E NÃO VOA! Moral da história: Se a coisa tá ruim, não inventa!!! Gambiarra só dá merda!!!  VER MAIS A leyenda del buitre, el pavo real y el pavo 20 Junho, 2011 / Sem categoria Tem um conto japonês milenar que é mais ou menos assim: Em uma planície, viviam um Urubu e um Pavão. Certo dia, o Pavão refletiu: - Sou a ave mais bonita do mundo animal, tenho uma plumagem colorida e exuberante, porém nem voar eu posso, de modo a mostrar minha beleza. Feliz é o Urubu que é livre para voar para onde o vento o levar. O Urubu, por sua vez, também refletia no alto de uma árvore: - Que infeliz ave sou eu, a mais feia de todo o reino animal e ainda tenho que voar e ser visto por todos, quem me dera ser belo e vistoso tal qual aquele Pavão. Foi quando ambas as aves tiveram uma brilhante idéia em comum e se juntaram para discorrer sobre ela: um cruzamento entre eles seria ótimo para ambos, gerando um descendente que voasse como o Urubu e tivesse a graciosidade de um Pavão. Então cruzaram... e daí nasceu o Peru: QUE É FEIO PRA CACETE E NÃO VOA! Moral da história: Se a coisa tá ruim, não inventa!!! Gambiarra só dá merda!!!  VER MAIS
FECHAR MENU